quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Aberta inscrição para a corrida que incentiva a doação de medula óssea


Publicação: 30/08/2011 17:55 Atualização:
Com objetivo de aumentar o número de doadores de medula óssea no país, a Fundação do Câncer, que tem como parceiro o Instituto Nacional do Câncer (Inca), abriu inscrições para a 3ª Corrida e Caminhada com Você, pela Vida – Doe Medula Óssea. A competição será realizada em dezembro, no Rio de Janeiro, e abrirá a Semana de Mobilização Nacional para Doação de Medula Óssea.

O superintendente da Fundação do Câncer, Jorge Alexandre Cruz, destacou a importância do evento na conscientização das pessoas sobre a necessidade do país ter um número cada vez maior de doadores de medula óssea. “Eu acho que é um ganho muito grande, porque você consegue falar sobre doação de medula óssea, sobre necessidade de doação, sobre o que é isso e para que serve. Você consegue, durante um período significativo, informar melhor a população e falar para ela a importância de ser um doador. Com isso, você salva vidas”.

Cruz lembrou que na corrida do ano passado cerca de 2 mil pessoas se inscreveram, das quais 224 cadastraram-se como doadores. Ele espera que este ano o número de competidores aumente, aumentando também o número de doadores. A idéia é “aumentar 50% a cada ano, até ter a cidade toda do Rio de Janeiro participando da nossa corrida”. Em 2011, ele acredita que será um ganho se 10% dos participantes se inscreverem como doadores.

O Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome) tem, atualmente, 2,3 milhões de doadores cadastrados. Qualquer pessoa, na faixa etária dos 18 anos a 54 anos de idade, pode se cadastrar como doador, desde que não tenha doença infecciosa transmissível pelo sangue. O transplante de medula óssea é a única chance de cura para leucemias agudas e crônicas, vários tipos de anemias graves adquiridas e congênitas, vários tipos de imunodeficiências, linfomas e tumores.

As pessoas interessadas em participar da competição podem se inscrever pelo site www.cancer.org.br até o dia 6 de dezembro.

Da Agência Brasil
Fonte: http://www.dnonline.com.br

Professor Toninho: Todos por um... sua atitude salvará vidas!


Uma atitude simples muda a vida de muita gente!
Então faça a diferença...

Hoje existem milhares de pessoas esperando por um transplante de medula para poderem continuar a viver. O transplante de medula é bem simples para o doador, pois é colhido somente 10 ml de sangue para fazer os exames de compatibilidade. Tudo isso seria bem simples se não fosse a chance de encontrar uma pessoa compatível, esta chance é de 1 em 100.000...
Para a pessoa que espera por esta chance é a diferença entre a vida e a morte.
Então se você tem de 18 à 55 anos e quer fazer a diferença na vida de alguém procure o hemocentro de sua cidade e se cadastre.
"Estamos pedindo para amigos e amigos de nossos amigos para contribuírem com a gente nesta campanha para Antônio Donizete Santana que é portador de LEUCEMIA MIELOIDE AGUDA
 ...com uma gota...dê esperança...


terça-feira, 30 de agosto de 2011

domingo, 28 de agosto de 2011

TATHERSALL, recinto para leilões, no futuro...

Era essa a intenção, mas a realidade é bem outra... droga, sexo, abandono e destruição!
(fotos: Rubens Caruso Junior)
pensapocos.blogspot.com 

sábado, 27 de agosto de 2011

Poços de Caldas , cidade da LUZ...

 acesa sem necessidade. Incompetência regada a desperdício...








Praça do Relógio Floral ontem no período da manhã....

“DIREÇÃO DEFENSIVA É DIRIGIR DE MODO A EVITAR ACIDENTES, APESAR DAS AÇÕES INCORRETAS DOS OUTROS E DAS CONDIÇÕES ADVERSAS”.




Flagrante de carro na contramão, ontem período da tarde na Av. Alcoa e o que tudo indica sem sinto de segurança. Atente-se para os emblemas nas portas.

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Loja Poderoso Timão será inaugurada em Poços de Caldas

Será inaugurada em Poços de Caldas no dia 15 de setembro às 10h, na rua Assis Figueiredo, 1321 no Centro de Poços de Caldas a Loja Poderoso Timão, loja oficial do Sport Club Corinthians Paulista.
A poderoso Timão está espalhada em todo o Brasil, ao todo são mais de 100.
Poços de Caldas é a mais nova cidade contemplada, para a alegria dos corinthianos poçoscaldense.
Maiores informações: pocosdecaldas@redepoderosotimao.com.br
fonte:http://correiodobrasil.com.br/nova-loja-poderoso-timao-em-pocos-de-caldas/286341/

Myla Vitacchi uma poçoscaldense com garra e determinação


23/08/2011 09h00 - Atualizado em 23/08/2011 10h02

Vitória em cada passo: otimismo de uma corredora contagia a Meia do Rio

Myla Vitacchi

 sofre de uma doença rara, mas sua grande dedicação à corrida lhe dá forças para continuar sonhando com uma milagrosa recuperação

Por Luisa Prochnik Rio de Janeiro
Myla Vitacchi avista a linha de chegada da Meia Maratona do Rio. Tranquila e muito bem disposta, ela corre para completar mais uma prova e comemorar sua vitória contra um difícil adversário:
Meia do Rio: Myla 1 (Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)Concentração: Myla se prepara para enfrentar os 21km da meia (Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)
- Ganhei dele, ganhei do cisto, com certeza. Porque se ele doesse durante a corrida, eu não conseguiria chegar. Mas hoje eu ganhei dele.
Myla se refere a uma doença muito rara, degenerativa, conhecida como cisto de Tarlov, que atinge os discos da coluna vertebral. Na época, Myla foi diagnosticada quando não conseguia mais andar. Foram nove meses com muitas dores e incertezas. A operação era arriscada, os remédios muito caros e a pressão arterial ficou muito alta.
A situação começou a mudar quando seu cardiologista a incentivou a caminhar para diminuir a pressão causada pelo cisto. As dores vinham sendo suas companheiras constantes, mas Myla seguiu em frente. Andava com dificuldade, depois foi melhorando, e a caminhada virou corrida.
- Tudo isso que está acontecendo tem me feito crescer e ver que tenho que voltar ao médico para retomar os exames. Sinto dores todos os dias, mas é algo suportável. Eu me acostumei a dor. E, também, elas diminuíram muito de intensidade. Antes, quando eu não fazia musculação doía muito mais. Hoje, com a musculação, faço treinos longos e volto quase sem dor. Eu sei que com o passar do tempo provavelmente ele vá piorar, mas estou lutando dia a dia para me manter ativa e controlar meu estado psicológico para não entrar em depressão com nada e, assim, não pressionar o cisto.
Meia do Rio: Myla 1 (Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)Myla acena durante a corrida
(Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)
Em 2008, ela participou de sua primeira prova nas ruas e já tem planos para correr uma maratona, que, devido às dúvidas em relação ao desenvolvimento do cisto e, também, ao seu bom condicionamento físico, foram antecipados em um ano.
- Não sei por quanto tempo conseguirei correr. Posso correr hoje e amanhã não levantar mais da cama.
Ao conhecer Myla, a angústia da dúvida e as dores que a acompanham não parecem acometer essa lutadora. Simpática, sorridente e determinada, a mineira de Poços de Caldas esbanja otimismo. Ela sabe que exames futuros podem trazer boas notícias, mas acredita que a felicidade que a corrida lhe proporciona é um fator positivo na luta contra a doença.
- Quando vêm me perguntar conselhos, eu falo que primeiro é cuidar da cabeça. Se a cabeça não estiver boa, tudo é mais difícil – diz Myla, que faz questão de deixar claro que a corrida não é tratamento para o mal em si, mas acredita que isso a deixa feliz, o que seria arma poderosa contra o crescimento do cisto.
E é com essa vibração que Myla se preparou para os 21 quilômetros da Meia do Rio. Concentrada, mas bem humorada, ela definiu seu sentimento:
Meia do Rio: pelotão  (Foto: Alexandre Durão/Globoesporte.com)Myla na frente do pelotão do GLOBOESPORTE.COM
(Foto: Alexandre Durão/Globoesporte.com)
- Estou no clima, me sentindo como criança numa loja de doce.
Myla usa um relógio com GPS e cronômetro e vai sempre acompanhada de música.
- Faço uma lista para cada corrida, seleciono as músicas olhando a altimetria. Se for prova mais longa, vou colocando de músicas mais lentas até rápidas, encaixando com a corrida.
Durante a prova, a corredora disse que não pensou em desistir momento algum. Myla tem uma relação com a corrida que não é igual a dos amadores que buscam o alto desempenho, apesar de se dedicar diariamente. Ela até se preocupa com tempo e performance, mas não como objetivo principal. Só o ato de correr, para Myla, já é a maior felicidade, e é assim que ela segue em frente, quilômetro por quilômetro.
Lá estamos de novo na chegada da Meia Maratona, com a Myla comemorando sua vitória. Dessa vez, a mineira venceu. Venceu a dor, o cisto e completou a prova.
Meia do Rio: Myla 1 (Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)Na hora da chegada, hora de abrir um grande sorriso (Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)
- O cisto luta com a força dele, me causando dor, e eu com a minha, que é a corrida.
Medalha mais que merecida para essa guerreira.

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Amianto : assassino invisível



26/07/2011 11:07:41 Suplicy alerta para os perigos do amianto e quer proibir uso da substância

Enviada por: Assessoria de Imprensa / Senado



Os malefícios causados pela utilização indiscriminada de amianto já são conhecidos. Paralisia pulmonar e diversos tipos de cânceres são algumas das doenças apontadas pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca). Entretanto, o Brasil ainda permite a exploração desse material.

Para mudar esse quadro, o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) reapresentou um projeto de lei (PLS 371/2011) que visa proibir a extração, transporte, armazenamento, industrialização e uso da substância.

Vítimas

O parlamentar justificou o projeto lembrando que as pessoas mais suscetíveis a sofrer com problemas de saúde por causa do amianto são os trabalhadores que lidam com a substância e os respectivos familiares, os moradores das imediações dos locais de extração, beneficiamento ou industrialização, além dos usuários dos produtos. Ele explicou que o material pode ser facilmente aspirado.

"A fibra do amianto pode ser fragmentada em partículas microscópicas, o que facilita a sua aspiração. Ademais, a indestrutibilidade que o amianto apresenta no ambiente externo é mantida no organismo. Uma vez captada e incorporada, nunca mais a partícula é eliminada pelo organismo", disse.

A Organização Internacional do Trabalho (OIT) estimou que o número de mortes ocorridas em função do uso do amianto deve girar em de 100 mil por ano em todo o mundo. E um estudo da Rede Brasil Atual calculou que até 2030 podem morrer 1 milhão de pessoas em decorrência de doenças provocadas ou relacionadas à exposição desse material.

Números que contribuíram para que a substância fosse proibida em algumas regiões do globo terrestre. Atualmente, mais de 50 países já aprovaram legislação que proíbe a exploração do amianto. Entretanto, um levantamento realizado pela BBC em parceria com o Consórcio de Jornalitas Investigativos revela que apesar de proibida a substância continua sendo usada em larga escala, especialmente do amianto branco.

No Brasil, os estado de São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Mato Grosso também possuem leis com a finalidade de coibir a industrialização, o comércio e o uso de produtos de amianto nos seus territórios. Mas como alertou o senador Suplicy no projeto, elas não têm validade.

"Essas leis não surtiram efeito, pois o Supremo Tribunal Federal considerou-as inconstitucionais, visto que é competência privativa da União legislar sobre jazidas, minas e recursos minerais", destacou.

Para o deputado Marcos Martins, autor da Lei 12.684, que proíbe o uso do amianto no Estado de São Paulo, o PLS 371/2011 do senador Suplicy é importante porque fortalece a luta pelo banimento do amianto no país. No entanto, o deputado discorda da avaliação do senador de que as leis estaduais são inconstitucionais. “A Lei 12.684 recebeu, e, ação de inconstitucionalidade (adin) da CNTI (Confederação Nacional dos Trabalhadores da Indústria), na qual o Supremo Tribunal Federal (STF) negou liminar, em 04/06/2008, validando nossa lei enquanto o mérito da questão seja analisado pelo Plenário da Casa. Portanto, o Supremo considerou nossa lei constitucional por legislarmos na defesa da saúde, uma competência dos Estados. A lei não só funciona em nosso estado como estamos próximos de banir esta substância pra sempre”, explicou.

O senador ainda observou que alguns empresários e industriais sustentam que as doenças causadas pelo produto podem ser prevenidas com o uso seguro. Idéia refutada por Suplicy.

"Embora as autoridades trabalhistas estabeleçam limites classificados como "de tolerância", o que enganosamente sugere que há segurança para os trabalhadores, estudos epidemiológicos evidenciam que não existe limite seguro de exposição", justificou.

Tramitação

O projeto apresentado no dia 30 de junho deve passar pelas comissões de Constituição e Justiça (CCJ), Assuntos Sociais (CAS) e de Serviços de Infraestrutura (CI).

Originalmente a matéria foi apresentada pela então senadora petista Serys Slhessarenko (MT) na legislatura passada. Mas com a saída da senadora, após o cumprimento do mandato, o projeto foi arquivado.

Na justificativa do projeto, Suplicy que após ser procurado por representantes da Associação Brasileira dos Expostos ao Amianto (Abrea) e da Rede Virtual-Cidadã pelo Banimento do Amianto na América Latina, Eliezer João de Souza e Fernanda Giannasi, ele tentou desarquivamento, mas o prazo para isto já estava vencido. Então, ele fez algumas pequenas alterações e o reapresentou.

O deputado Marcos Martins se reunirá com Suplicy, quando esclarecerá sobre os processos os quais as leis referentes ao banimento do amianto sofrem no país e como o parlamentar poderá contribuir com o PLS do senador.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Liderança do PT no Senado com Assessoria de Imprensa do mandato do deputado Marcos Martins


Fique de olho

Informe-se e participe ativamente da vida de sua comunidade...


E preste atenção:
Você vota no Prefeito e este escolhe uma equipe de governo e com a equipe dele, ele:
Cuida do transporte (ônibus, lotação).
Manda tapar buracos de rua.
Organiza a coleta de lixo.
Toma conta da limpeza de praças.
Abre vagas em creches.
Cria leis etc.

Você está satisfeito com o serviço prestado em seu Bairro?


O que é um vereador?
É uma pessoa escolhida pelo povo (você!).
Ele recebe um salário para cuidar das coisas da cidade.
É eleito para ficar no cargo por 4 anos.
Faz parte do Poder Legislativo, que faz as leis.
O que o vereador faz?
Faz regras para a cidade.
Aprova ou não as regras que o prefeito inventa.
Aprova ou não as regras que outros vereadores criam.
Ele também fica de olho no trabalho do prefeito, para ele não gastar dinheiro à toa.É igual ao futebol: artilheiro não marca gol sozinho.

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Imprudência, negligência ou imperícia? Mais um acidente em Poços de Caldas


O trânsito de Poços de Caldas não é brincadeira... ainda com falta de colaboração de alguns motoristas...fica insuportável.

Segunda-feira, por volta das13h em plena Rua Assis Figueiredo, bem no Coração de Poços.
Vejam:


 Rua Assis um trânsito infernal, lugar pra estacionar é difícil... mais fácil ganhar na loteria. E olha o que aconteceu defronte a um hotel, pasmem vaga para um ônibus , trazendo turista de um passeio por Poços de Caldas. Parece PIADA, mas é a pura realidade,

Poços de Caldas...que cachorrada!

Quem chega em Poços, logo na Rodoviária já é recepcionado por cachorros....
O número de cães abandonados em Poços é muito grande. Falta de responsabilidade total. Pegam um animalzinho e esquecem que ele precisa de cuidados, carinho, alimentação, medicamentos e que um dia cresce. Aí quando se dão conta de tudo isso, resultado ...abandono.
É uma cachorrada dessa gente!!!


sábado, 20 de agosto de 2011

Prefeitura continua infringindo o Código Brasileiro de Trânsito e dá mau exemplo

De acordo com o artigo 230 do Código Brasileiro de Trânsito (CTB), transportar pessoas irregularmente em carrocerias de caminhões, caminhonetes e similares é infração gravíssima e o condutor é punido com 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), tem o veículo apreendido e recebe multa no valor de R$ 191,54.
E a Prefeitura Municipal de Poços de Caldas continua infringindo a LEI.
Além que carregar pessoas na carroceria, estas vão junto com as ferramentas de trabalho.

Sexta-feira de manhã, já tinha ônibus parado no Centro da Cidade...

Como diz o blog:pensapocos.blogspot.com
Poços de Caldas, terra sem Lei.


Esse seria o descarte correto do lixo dos órgão Públicos?

Lixo da URCA, até onde eu sei... material como cadeira (exemplo) que não tem mais utilidade devido a defeito e/ou desgaste deve ficar guardado e é feito um ofício solicitando a retirado por um determinado setor da prefeitura. Até porque, na prefeitura existe o Setor de Patrimônio que cadastra todos esses materiais, portanto não podem simplesmente serem descartados no lixo normalmente.

Qual é a finalidade da Secretaria de Promoção Social de Poços de Caldas?


Tem como finalidade planejar, organizar e implementar a Política Municipal de Assistência Social, englobando ações, atividades e projetos tendo como diretrizes básicas o enfrentamento a pobreza através da geração de renda; a atenção às famílias em situação de risco e aos grupos específicos (mulheres, idosos e portadores de deficiência); o atendimento especializado à criança e ao adolescente; o atendimento especializado ao migrante e ao morador de rua; e a estruturação de rede de proteção social e incentivo à participação na formulação de políticas na assistência social, com a participação dos Conselhos Municipais, sociedade civil e prestadores de serviço na área social.


  Secretária:
Raulina Adissi (Fonte: sitePMPC)

Mas, a realidade de Poços de Caldas é outra...
Justificam dizendo que , abordam essas pessoas mas só podem atendê-las se elas quiserem e a maioria não aceita ajuda. Será??? 

 Pracinha da Vila Cruz
 Urca

No tempo em que o saudoso Victor Domingos dos Santos era Coordenador da Defesa Civil de Poços de Caldas ele fazia um magnífico trabalho com a Senhora Suely Magalhães com apoio de Dona Margarida Goulart  através de sua chácara.